tempo de oportunidades

tempo de oportunidades

domingo, junho 21, 2020

Filled Under:

Igreja reaberta


Por Célio Barcellos
Após 99 dias fechada em função da quarentena, a Igreja Adventista Central de Pirassununga, localizada no território da Associação Paulista Central (APaC), foi reaberta neste sábado (20/06). Seguindo as recomendações do poder público no que se refere à capacidade de 30% do recinto, a igreja aplicou os protocolos de segurança solicitados tanto da parte do governo quanto da Organização superior da mesma.
As 50 pessoas que foram à igreja, estavam radiantes de felicidade por poderem naquele momento rever irmãos e cultuarem a Deus na prática da sua fé. Apesar de não ter os cumprimentos, abraços e interações como antes, os 60 minutos de programação foram suficientes para notar a importância do congregar e também de ver que a igreja continua viva, louvando a Deus.

Não sabemos por quanto tempo teremos de viver assim. Porém, ao que parece, a dinâmica da igreja não será como antes. Muitas formalidades e apetrechos no culto terão de ser descartados; os departamentos precisarão ser altruístas; as coisas precisarão ser mais objetivas; os prédios deverão ser mais compartilhados e as famílias precisarão exercer o discipulado como nunca antes, levando em conta a fidelidade na Palavra e lealdade a Deus e à Sua igreja. 
Particularmente, a igreja em Pirassununga não parou. Apesar de não estar no templo, ela estava na ação social pelo próximo. A Ação Solidária Adventista (ASA), em parceria com o Supermercado Covabra e mais auxilio das igrejas de Porto Ferreira, Zona Norte, Santa Fé e Bandeirantes, arrecadaram toneladas de alimentos auxiliando centenas de famílias. Sem contar na campanha do agasalho que já começou (leia aqui). 
Sei que muitos ficaram em casa sem poder ir à igreja, especialmente as pessoas do grupo de risco. De fato, não é nada fácil para fieis que passaram a vida inteira congregando e de uma hora para outra precisar ficar trancafiadas em suas casas.  É possível que entre essas pessoas, há alguém que jamais tenha deixado de perder um culto durante toda a vida. Uma situação como essa, deve ser um martírio.

Temos feito de tudo para que mensagens de conforto cheguem a essas pessoas. São ligações, orações por celular, LIVES, sermões via áudio e muito mais. Porém, compreendemos que isso não é suficiente para tranquilizar a mente, uma vez que nem sempre temos o contato, em função de muitos não terem cadastrado os seus números de telefone na secretaria da igreja, algo indispensável para o momento. 

Em função da pandemia e os estragos deixados por ela, decidi mudar o sermão. A mensagem que seria "Uma Promessa Antiga", passou para o título de: "Não Ameis o Mundo". Aproveitei a exortação pastoral de João e apliquei para a igreja. Afinal, neste momento de crise, muitos aproveitadores rondaram o rebanho com as suas pretensas teorias, e não seria nada demais, confortar os irmãos e alerta-los dos falsos ensinos. 
Que Deus abençoe e fortaleça a todos!
Segue o sermão de retorno:


0 comentários:

Postar um comentário