tempo de oportunidades

tempo de oportunidades

sexta-feira, janeiro 24, 2020

Filled Under:

Coronavírus que se espalha

Por Célio Barcellos

Ao criar o mundo Deus disse que tudo era maravilhoso!
Desde os raios da luz, até o ser humano,
Ele fez tudo perfeito, extraordinário e bem vistoso. 
O homem O desprezou como um rebelde e insano.

A homeostase do Éden, choca com a selvageria do Planeta.
Lixos, sujeiras, destruições e muita covardia,
Geram inundações, desesperos, e gente triste na sarjeta. 
O simples cuidado com as coisas, evitaria grandes epidemias. 

Partindo do Gênesis para Levíticos, encontra-se o alerta do Criador.
Ao preservar a vida do lindo ser, Ele orienta o que comer.
Misturando o limpo com o imundo, o homem segue o tentador,
De morcegos a escorpiões, se entope até morrer. 

Cobras, urubus, ratos, porcos e tantos bichos, tem a sua utilidade.
Não são alimentos humanos como alguns tentam descrever,
São limpadores da terra, em suas inocentes brutalidades.
Ao comer desses bichos, o homem adquire vírus, que o faz adoecer.

Da China à Europa, da Ásia às Américas, da Oceania até o Brasil,
A epidemia se espalha, na brisa suave que respiramos...
De carona ou de Uber, o coronavírus segue em velocidades mil,
Atingindo outros seres, devido as porcarias que provamos. 

Quão bom se vivêssemos em paz com Deus e com os animais!
Não teríamos pecados e saudáveis para sempre seríamos.
Um novo Éden ainda virá e ele não findará jamais.
Os bichinhos podem ficar tranquilos, que deles, não mais provaremos. 



0 comentários:

Postar um comentário