tempo de oportunidades

tempo de oportunidades

sexta-feira, junho 14, 2019

Filled Under:

Uma casa no campo


Por Célio Barcellos
Em um mundo repleto de coisas horrendas, ainda podemos ver coisas maravilhosas como essa bela paisagem. Não faço idéia onde fica esse lugar! Capturei a imagem do twitter de Beatriz Martinez, natural de El Salvador, na América Central.  Que pintura da natureza! Simplesmente fantástica! 
Não tive como não me lembrar de Elis Regina cantando “Casa no Campo” quando descreve a simplicidade da vida e do sossego. Imagino que as pessoas que vivem na cidade, mesmo que por um final de semana gostariam de um refúgio, onde pudessem recarregar as energias para o enfrentamento das lutas diárias.
Imagina o desconforto que muitos brasileiros passaram na manhã dessa sexta-feira ao se dirigirem para os locais de trabalho e virem protestos que os impediam de chegar no horário para os compromissos!? O mundo do caos não combina com o mundo do sossego, da tranquilidade, da reflexão…
É claro que na transitoriedade da vida, uma casa no campo parece ser a solução para  as nossas fadigas; nossos dilemas; nossas depressões; nossas angústias; enfim… parece ser a solução mas não é. Ver “carneiros e cabras pastando solenes” nos jardins é uma coisa que a vida no campo proporciona, mas como seres humanos, ansiamos muito mais do que isso.
Talvez José Rodrigues e o Tavito, quando num ônibus nas belas paisagens do Goiás, compunham “Casa no Campo”, tenham descrito de forma imperfeita, um sossego que o próprio Deus quer proporcionar ao ser humano. Ah, se eles tivessem enxergado além do serrado e dos verdes pastos! 
Quando em Isaias 65:17-25, descreve os novos céus e nova terra, percebemos que o mundo do caos que vivemos hoje, será engolido pelo mundo do perfeito equilíbrio. As pessoas descritas por Isaias, terão as suas casas e viverão felizes e sem os transtornos atuais. Elas não verão somente “carneiros e cabras”, mas o “lobo e o cordeiro” pastarem juntos, bem como o “leão e boi” comerem da palha. Até a serpente, símbolo do mal, não oferecerá risco nenhum.

Portanto, se em El Salvador, no Goiás ou em qualquer lugar da face da terra, há belezas indescritíveis, imagina, se enxergarmos o que Deus tem oculto para nós!? Assim como Isaias descreve um lugar inimaginável, o último profeta da Bíblia - João, descreve uma grande cidade, com o seu lindo jardim, não para passarmos um final de semana ou nossos últimos momentos de vida, mas para desfrutarmos de uma vida eterna, repleta de coisas legais e no bom convívio com Deus e com as pessoas.



0 comentários:

Postar um comentário