tempo de oportunidades

tempo de oportunidades

sexta-feira, setembro 01, 2017

Filled Under:

Náufragos na mesma semana

Foto: Editora Intrinseca


Por Célio Barcellos

Na mesma semana, dois acidentes semelhantes.
O primeiro foi na terça, no Estado do Pará, nas águas do Xingu.
O segundo, foi na quinta, nas águas da Bahia de Todos os Santos.
Os dois, deixaram muita morte e tristezas nos semblantes.

O Xingu que nasce no Centro Oeste e ruma para o norte,
Por ele, os Villas Boas singraram, mapeando e levando sorte.
Do significado indigena - “água boa e limpa”, não combina com a morte.
Porém, água, não tem cabelo, e sem o colete, a tendência é o capote.

Não é só no Xingu ou em águas baianas tamanhas tragédias!
Os americanos de Houston sentiram na pele, a fúria no Texas.
De norte a sul, desse país ou do mundo,
Os desastres e tragédias deixam vazios profundos.

Os perigos, não estão em rios e mares somente
Porém, em terra firme, por onde circula muita gente.
Desde um Bataclan, até a uma tranquila La Rambla, 
Há riscos iminentes, em função das muitas carrancas.

O ódio é tanto e maldade nos carrancudos homens,
Que eles causam, verdadeiras hecatombes.
Não! não são homens os que fazem isso.

São verdadeiros demônios que não reconhecem o Cristo.


Esse texto poético reflete o difícil mês de agosto para baianos, paraenses e texanos.


0 comentários:

Postar um comentário